*/

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Você é forte, menina.




Eu sei menina que as coisas andam difíceis. Eu estou ao seu lado, te observando, tentando te entender e faz anos. Eu sei que ninguém te entende. Que você tem medo de ser quem é e do que pode se tornar. Eu sei que seus pais não olham para você. Eu sei que o seu sorriso – muito bonito até- esconde grandes dores por trás. Eu sei por que eu, diferente do resto, passei horas da minha vida te estudando. Eu vi quando você, aquela criança de 8 anos deixou de ser criança e a vida, como sempre, te bateu até te jogar no chão. Eu sei que foi difícil levantar, afinal você só era uma criança e a única coisa que deveria fazer era brincar. Eu vi quando o seu sorriso se tornou uma capa e não mais um motivo de alegria. Eu vi e ouvir quando seus lábios gritaram palavras mentirosas e quando você se calou para não machucar os outros. Eu vi você tentando se esconder do mundo, se enfiando dentro de uma bolha impenetrável, construindo um castelo enorme e se trancando no ultimo quarto da torre. Eu vi seus sonhos se perderem. Eu vi os anos passarem e sua vida ficar parada no tempo. Eu vi a primeira vez da dor, do corte. Eu senti o cheiro de metal do sangue que escorreu por suas mãos até se misturar com a água da torneira e descer pelo ralo. Eu vi você perder contatos, amigos. Eu vi você se decepcionar, errar, recomeçar. Eu sempre estive por perto. Eu estava lá naquela vez que você pensou que seria diferente e que o mundo,pela primeira vez, tinha olhado para você. Vi quando você acreditou e se feriu. Quando agarrou o sonho e outros derrubaram. Eu vi quando você chegou correndo em casa e ficou esperando ouvir um “ Estou orgulhoso de você”. Eu vi quando você deitou na cama e chorou até amanhecer e no outro dia, simples e forte como você ainda é, colocou maquiagens no rosto, disfarçou a dor e coloriu o rosto para que ninguém notasse que os cacos quebrados de você estavam todos no chão, cortando-te. Até te encontrei em outras garotas, afinal acontece com tanta gente por aí a fora. E aí percebi que o mundo era pior que eu pensava. Foi um choque de realidade. Um banho de água fria. E então menina, eu percebi que talvez tudo que você tenha passado e esteja passando faça parte de um grande milagre no final. Que talvez o que te deixe fraca hoje, lhe torne forte amanha. Que talvez a sua dor seja tão grande a ponto do universo parar de querer atenção e olhar para você. Talvez menina, assim como o livro que você leu, a culpa seja das estrelas e do universo. Talvez você seja uma granada, mas ainda não explodiu. Então moça, escute-me : Exploda. Deixe que seus estilhaços afetem os outros. Deixe que a granada que você é, faça estrago e talvez, só talvez, as pessoas percebem que pisar em você – e em outras milhões de pessoas – seja errado e cruel. Mas nunca esqueça menina que explodi não é magoar, nem se perder e muito menos parar de existir, é só escolher demonstrar ao invés de se afundar na poça de lama enorme construída dentro de você mesma e que a realidade é dura, que as pessoas são cruéis, que só aprendem a dá valor quando perde e que não adianta se trancar no quarto ou no banheiro e morrer ali, aos poucos. Continue sorrindo menina, mesmo que o seu coração esteja se partindo. Aprenda que ser feliz não é uma obrigação e sim um objetivo na vida. Tá difícil hoje? Esqueceram de dizer “obrigada por você existir”? Roubaram os seus sonhos? Pisaram em quem você é ? Te esqueceram? Respire fundo, conte de 1 até 10 e permaneça forte exatamente como você fez há 11 anos atrás. E nunca esqueça Deus só está te observando, assim como eu. ELE não te esqueceu – jamais. E provavelmente ele também saiba que você é a garota mais forte que eu já vi na vida.


Continue forte. Para sempre.










http://dannie-f.blogspot.com.br/

5 comentários

Meios Dias Gastos 26 de novembro de 2012 13:13

Uaauu, que texto lindo. Realmente ninguém precisa fazer a outra pessoa feliz, as pessoas precisam aprender a ser felizes sozinhas, a se achar e se aceitar.

Beijinhos!
http://meiosdiasgastos.blogspot.com.br/
https://www.facebook.com/MeiosDiasGastos

Lisa Cristine 26 de novembro de 2012 14:46

Ual, que texto em. Meus parabéns a cada virgula.
E obrigada pela visita no blog, te desejo um feliz dezembro pra ti também <3

Amanda Inácio 26 de novembro de 2012 14:47

Que texto lindo!! Gostei demais!
Beijinhos

Am
http://www.vinteepoucos.com.br/

Juliana khenberly 27 de novembro de 2012 03:38

oi flor adorei te conhecer
adorei mesmo amei aqui
bezossssssssss

Dannie França 27 de novembro de 2012 09:03

ownt galerinha <333 vocês são fofas demais, rawr <33 obrigada,obrigada mesmo por todos comentarios.

Lindas *-*

Postar um comentário

Seguidores